Macarons de luxo na Suíça

turismo-gastronomia-suica

Durante uma viagem à Zurique, com certeza, você vai se deparar com centenas de mini-macarons com recheio farto, que enchem de cores as vitrines da charmosa confeitaria Sprüngli. Os Luxemburgerlis são muito mais do que uma adaptação suíça dos macarons franceses. São verdadeiros doces de luxo, encontrados exclusivamente no país dos Alpes. É, portanto, um sacrilégio deixar que eles passem desapercebidos e voltar sem degustá-los.

Apesar da fama e qualidade dos chocolates suíços, está sem sombra de dúvidas nos Luxemburgerlis a principal atração gastronômica de Zurique. Esses pequenos macarons têm maior quantidade de recheio e massa bem mais aerada que os produzidos em Paris. São feitos com ingredientes frescos, sem qualquer conservante ou corante artificial. O fabricante sugere que sejam consumidos, no máximo em três dias, para não perderem suas características. Esse é o motivo de não serem exportados.

Todo o cuidado em sua composição reflete no preço. Vendidos a quilo, uma caixa com 320 g, cerca de 36 Luxemburgerlis (vale lembrar que são bem menores que os macarons franceses) é vendida a CHF 45 (francos suíços), aproximadamente R$ 94. Não é a toa, que a principal confeitaria Sprüngli fica em um dos endereços caros e elegantes da cidade. Na avenida Bahnhofstrasse, ela divide espaço com lojas como Chanel, Cartier, Mont Blanc e Dior. Na mesma região, estão localizadas as sedes dos dois maiores bancos do país (UBS e o Credit Suisse Group) e boa parte do dinheiro do mundo. Sua localização, por si só, deixa claro que se trata de um produto de luxo.luxemburgerli-sprüngli-suíça

História

Recheado com mais de 30 sabores, que vão desde os tradicionais baunilha e chocolate até champanhe e amaretto (licor de damasco e caroços de pêssego), os Luxemburgerlis foram criados na década de 50, por um jovem confeiteiro de Luxemburgo (o que explica a origem do nome dos doces) e logo se transformou em marca registrada da rede.

Também integra o grupo Sprüngli, criado em 1836 por David Sprüngli-Schwarz, a fábrica de chocolates Lindt, que é mundialmente conhecida pela qualidade de seus produtos. Podemos considerar que a Confiserie Sprüngli se dedica à produção artesanal, enquanto a Lindt & Sprüngli trabalha em larga escala.

4 Comentários

  1. De psicologa a gastronomia.

    Olá, gostaria de realizar curso de macarrons.
    Qdo seria?
    Onde?
    valor?

    Aguardo e-mail

    grata

    Célia Amaral

  2. a palavra desapercebido é sinônimo de desprevinido, desprovido, o certo é despercebido, sinônimo de não notado.

    • Roselene,
      Obrigado por acessar nosso site. Ao contrário do que você afirma, as palavras “desaperceber” e “desperceber” são sinônimos. Caso a dúvida ainda persista, por favor, confira dicionários modernos, como Aurélio e Houaiss.
      Abraços

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*