Etiqueta da comida japonesa

japonesa

Reprodução

Você adora comida japonesa? Então, vamos te dar todas as dicas para você ser Sofisticado.com.br e não cometer gafes.

Imagine a cena: “o namorado(a) adorou o sushi e quis que você experimentasse. Pegou com o hashi dele(a) e passou para o seu hashi. Eu pergunto: “quem morreu?”. Passar um sushi de um hashi (palitinho) para outro é ritual fúnebre no Japão.

Se está muito bom, peça que a pessoa pegue em seu prato. Jamais pegue um sushi com seu hashi e passe para o hashi o de outra pessoa. Isso é ritual fúnebre!

Dicas de etiqueta japonesa

  • Nunca gesticule ou aponte o hashi para outra pessoa. A não ser que você odeie ela! O garçon não merece ser apontado pelo hashi…
  • O hashi (palitinhos) deve ser colocado paralelamente ao prato, sobre um descanso próprio, o hashioki.
  • No Japão, é comum levar os sushis diretamente à boca com a mão, sem o uso do hashi. Já no caso dos sashimis, os palitinhos são indispensáveis.
  • O massú (copo quadrado) é um recipiente tradicional para medir líquidos e grãos. Saquê frio deve ser bebido no massú.
  • O saquê quente é tomado em recipiente próprio, chamado sakazuki.
  • Quente ou frio, sempre sirva os convidados primeiros. É sinal de elegância servir saquê para as outras pessoas da mesa.
  • Jamais molhe o arroz no shoyu. Deve-se molhar somente o peixe e nunca o arroz.
  • Em relação ao sashimi, o correto é colocar um pouco de wassabi (raiz forte) sobre o peixe e, em seguida, mergulhá-lo levemente no shoyu.
  • Diluir o wassabi no shoyu, misturando com o hashi, é inapropriado porque torna o molho tão forte, que faz desaparecer o sabor do peixe.

Por Erickson Aranda 

 

Um Comentário

  1. gostei da dicas de boa mesas sobre o sushi

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*