Receita de caruru baiano

caruru

Na culinária tradicional brasileira, existem duas variações do caruru: o baiano e o paraense. O prato é feito basicamente de quiabos cozidos em caldo de peixe, com camarões secos moídos e azeite de dendê. A diferença é que o caruru da Bahia leva amendoim torrado e castanha de caju, enquanto o caruru paraense é engrossado com farinha de mandioca, como  é feito com o pirão.

O prato de sabor intenso pode ser servido com arroz branco e carne de peixe ou frango. Tradicionalmente, na Bahia, o caruru acompanha o xinxim de galinha – frango cozido com os mesmos ingredientes do caruru (sem o quiabo).

3.0 from 1 reviews
Receita de caruru baiano
 
Ingredientes
  • 500 g de quiabo
  • 100 g camarão seco (sem as cabeças)
  • 50 g de amendoim torrado (sem casca)
  • 50 g de castanha de caju
  • 100 ml de azeite de dendê
  • 1 cebola média
  • 2 colheres (sopa) de coentro fresco picado (opcional)
  • 600 ml de caldo de peixe
  • Suco de um limão
  • Sal a gosto
Preparo
  1. Pique os quiabos em rodelas finas e fervente por cerca de 1 min em água com o suco de um limão. Deixe escorrer e reserve. Esse processo reduz a quantidade de "baba" formada ao se cozinhar o quiabo.
  2. Retire as cabeças do camarão seco e os lave. Não é preciso deixar de molho para dessalgar. Em seguida, bata no liquidificador os camarões, o amendoim e a castanha de caju. Para facilitar o processo, acrescente 200 ml de caldo de peixe. Reserve.
  3. Doure a cebola picada no azeite de dendê. Acrescente o quiabo e refogue. Coloque a pasta de camarão e castanhas, o restante do caldo de peixe e deixe cozinhar por cerca de 20 min.
  4. Confira o sal e finalize com o coentro picado.

2 Comentários

  1. Boa tarde! Boa receita, mas para caruru baiano (sou da Bahia) não se usa alho, coentro nem caldo de peixe – e sim água normal, para cozinhar. O que não impede de usar o caldo de peixe, mas tradicionalmente não se usa. Outra coisa é que NUNCA o quiabo vai ficara pronto e cozido em 10min… para o caruru deve levar de 20 a 30 min.

    Acredito que seria bom corrigir pelo menos esse tempo de 10min que vocês colocaram. No mais, boa receita.

    • Ana Helena,
      Muito obrigado pelas dicas! Adoramos quando nossos leitores compartilham informações conosco. De fato, boas cozinheiras baianas já nos disseram que em receita que vai dendê não se deve colocar alho, apenas cebola. Retiramos o alho da receita e aumentamos o tempo de cozimento. Em relação ao coentro, acreditamos que depende da região da Bahia. Em algumas localidades o coentro é utilizado, em outras, não.
      Grande abraço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Dê uma nota para esta receita: